APARIÇÕES DE JACAREI

APARIÇÕES DE JACAREI

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

COMUNICADO

Queridos amigos, quero informar a vocês que estão divulgando no facebook a carta do antigo bispo de São José dos Campos sobre as Aparições de Jacareí, requentando a velha tentativa falida dele de destruir as Aparições de Jacareí. Por isso, esclareço que:

1) Na mensagem de Jesus que o tal bispo cita na cartinha dele Jesus não estava falando anada a respeito de filiação divina, mas sim das virtudes que Ele quer dar às almas depois do batismo para serem santas.


2) No tocante ao que o tal bispo cita na cartinha dele de que Jesus não pode pedir devoção à Sua Mãe Santíssima, coloco aqui a Aparição do Menino Jesus à Irmã Lúcia, a vidente de Fátima, Portugal, em 1925 pedindo a devoção reparadora dos 5 primeiros sábado do mês AO IMACULADO CORAÇÃO DA SUA MÃE SANTÍSSIMA, e não a Ele. Se em Fátima Jesus pediu a devoção reparadora ao Coração da Sua Mãe e as Aparições de Fátima foram reconhecidas verdaderas, aqui Jesus também pode pedir devoção à Sua Mãe SIM. Quero ver como os bitolados em aprovações clericais vão fazer agora: para dizerem que o tal bispo está certo terão que negar as Aparições de Fátima também.

3) Quanto aos nomes do Anjos que aqui se revelaram e deram mensagens, muitos outros místicos também tiveram a mesma graça. Se eles puderam, aqui também pode.

4) Quanto a carta deste bispo com estes argumentos pífios, joguem ela no vaso sanitário de vocês que é o lugar onde ela merece ser posta. Depois disto, não torno a esse assunto mais e como disse Jesus a mim: "MARCOS, A TUA MISSÃO NÃO É CONVENCER NINGUÉM DE QUE NÓS TE APARECEMOS, MAS APENAS FALAR. QUEM TIVER OUVIDOS PARA OUVIR, OUÇA!"

Obrigado pela atenção.

Marcos Tadeu

DEVOÇÃO PEDIDA POR JESUS EM HONRA DA SUA MÃE SANTÍSSIMA EM FÁTIMA

Dia 10 de Dezembro de 1925: a Aparição do Menino Jesus e de Nossa Senhora

Na noite de quinta feira, 10 de Dezembro, logo depois do jantar, a jovem postulante Lúcia, que tinha apenas 18 anos, voltou à sua cela. Foi ali que recebeu a visita de Nossa Senhora e do Menino Jesus. Escutemos a sua narração2 (escrita no terceira pessoa):

"A 10 de Dezembro de 1925, apareceu-lhe a Santíssima Virgem e, a Seu lado, suspenso numa nuvem luminosa, o Menino Jesus. A Santíssima Virgem pousou a mão no ombro de Lúcia e, nesse momento, mostrou-lhe um Coração cercado de espinhos que tinha na outra mão. Ao mesmo tempo, disse o Menino:

‘Tem pena do Coração de tua Mãe Santíssima, que está coberto de espinhos que os homens ingratos a todo o momento Lhe cravam, sem haver quem faça um acto de reparação para os tirar’.

E a Santíssima Virgem disse-lhe:

‘Olha, Minha filha, o Meu Coração cercado de espinhos que os homens ingratos a todo o momento Me cravam, com blasfémias e ingratidões. Tu, ao menos, vê de Me consolar e diz que a todos aqueles que durante cinco meses seguidos, no primeiro sábado, se confessarem, recebendo a Sagrada Comunhão, rezarem um Terço e Me fizerem 15 minutos de companhia, meditando nos 15 Mistérios do Rosário com o fim de Me desagravar, Eu prometo assistir-lhes à hora da morte com todas as graças necessárias para a salvação.’3

 Que diálogo tão encantador, em que o Menino Jesus e Sua Mãe falam alternadamente — Ele para implorar por causa Dela, e Ela para fazer os seus pedidos... que nos conduzem até Seu Filho.

 A Santíssima Virgem pôs a mão sobre o ombro de Lúcia, permitindo-lhe contemplar o tristíssimo Coração de Nossa Senhora e dá-lo a conhecer aos outros.

Finalmente, vejamos o tom e as palavras desta grande promessa. São semelhantes às das aparições de 1917. Tão concisas! Tal como as do Segredo do dia 13 de Julho, onde nem uma só palavra se pode suprimir sem alterar seriamente a sequência do pensamento. Também esta é uma mostra irrefutável de autenticidade.

O espírito da Devoção de Reparação:A Revelação do dia 29 de Maio de 1930


A Irmã Lúcia estava em Tuy nessa época. O seu confessor, o Padre Gonçalves, tinha-lhe feito uma série de perguntas por escrito. Lembramos aqui só a quarta: "Porque hão-de ser cinco sábados – perguntou ele – e não nove, ou sete em honra das Dores de Nossa Senhora?"28 Nessa mesma noite, a vidente implorou a Nosso Senhor que a inspirasse com uma resposta a essas perguntas. Poucos dias depois, ela enviou o seguinte ao seu confessor.29

"Ficando na capela, com Nosso Senhor, parte da noite do dia 29 para 30 deste mês de Maio de 1930 (sabemos que era seu costume ter uma hora santa das onze à meia-noite, especialmente às quintas-feiras, segundo os pedidos do Sagrado Coração de Jesus em Paray-le-Monial), e falando a Nosso Senhor das duas perguntas, quarta e quinta, senti-me, de repente, possuída mais intimamente da Sua Divina Presença. E, se não me engano,30 foi-me revelado o seguinte:

‘Minha filha, o motivo é simples: são cinco as espécies de ofensas e blasfémias proferidas contra o Imaculado Coração de Maria:
As blasfémias contra a Imaculada Conceição;
As blasfémias contra a Sua Virgindade;
As blasfémias contra a Maternidade Divina, recusando, ao mesmo tempo, recebê-La como Mãe dos homens;
Os que procuram publicamente infundir, no coração das crianças, a indiferença, o desprezo e até o ódio para com esta Imaculada Mãe;
Os que A ultrajam directamente nas Suas sagradas imagens.

Eis, Minha filha, o motivo pelo qual o Imaculado Coração de Maria Me levou a pedir esta pequena reparação ...’





Um comentário:

  1. " Marcos Salvarei todo aquele que ME escutar por meio de ti!...
    Não é necessário que convenças ninguém. Eu peço que apenas fales... Quem tiver ouvidos para ouvir-te, ouça...
    Felizes aqueles que atenderem a Minha MÃE e ao MEU Coração...Serão arrebatados ao profundo de Nossos Corações...Pelo AMOR!...[Nosso Senhor no dia 14-julho-1995]

    ResponderExcluir