sexta-feira, 13 de maio de 2022

NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO DO CÉU

🙏UMA OUTRA MARAVILHOSA APARIÇÃO OCORRIDA EM 13 DE MAIO 🙏👇

🌹APARIÇÃO DE NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO DO CÉU -13 de maio de 1937
PONTE DE SÓTÃO- GÓIS🌹Portugal

Foi em Ponte de Sotão, aldeia que pertence a Góis, que viveu uma senhora de seu nome Ilda que viu Nossa Senhora.

Ilda da Conceição nasceu em 1913, sua mãe era Julia Maria da Conceição falecida aos 88 anos a 2 de abril de 1969. Seus avós maternos eram: Jacinta Maria e José Gaspar

A Vidente Ilda tinha 24 anos quando viu Nossa Senhora a 13 de maio de 1937.

Neste dia estava ela em casa e sentiu à espécie de um forte chamado interior a que ela chamou " pancada no coração". Instintivamente veio à janela e olhou para o lado do monte que fica a uns 50 metros de sua casa, e viu uma lindissima Senhora pairando no local onde hoje se encontra a capela da Aparição. Correu logo para o local mas lá chegando, Nossa Senhora tinha desaparecido. Muito triste, voltou para casa pois ela logo reconheceu que era a Virgem Maria.
Desejosa de A ver novamente, à janela voltou e novamente A viu pairando sobre o monte. Imediatamente correu para Ela mas, lá chegando Ela havia desaparecido de novo. Novamente, muito triste para casa voltou. Mas seu coração por Ela suspirava e voltou à janela ...Ela lá estava. Pela terceira vez para o pinhal correu. Desta vez Nossa Senhora não desapareceu mas com sua filha amada falou.

Nossa Senhora então lhe disse: - Vens aí minha filha? 

Ao que a vidente a tremer respondeu: " Venho sim, minha mãezinha.

E logo lhe perguntou: 
-Que quereis minha mãezinha?
Ela lhe respondeu:
-" Quero que se construa aqui uma capelinha."

Como quereis que Vos chamemos?

Ela respondeu:
" Eu, minha filha sou, a Senhora do Rosário do Céu"

Sempre que Nossa Senhora aparecia, a vidente dizia:
– “VINDE VER NOSSA SENHORA, QUE TÃO BELA É!” Mas muitas pessoas continuavam sem acreditar.

Numa determinada data, Nossa Senhora prometeu dar um sinal pelas 3h da tarde, relata um familiar da vidente e um devoto das Aparições. O bispo da diocese foi avisado e ele mesmo quis estar presente no acontecimento. Na data e hora marcadas aconteceu o milagre do sol, como em Fátima. O bispo testemunhou mas depois não deu incentivo à Aparição, segundo ele falou, para não abafar as de Fátima.

Aqueles que acreditaram começaram a ir em peregrinação até ao local, onde a vidente dizia que a Nossa Senhora lhe pedira para fazer uma ermida e lhe rezassem novenas. 

Os descrentes, num determinado dia, resolveram colocar um espelho no local onde a Nossa Senhora havia pisado a terra para apanharem a vidente em contradição. E depois durante alguns dias consecutivos andaram a perguntar à vidente Ilda onde Nossa Senhora havia pisado, mas ela mostrava sempre o mesmo sítio. Nesta altura já os mais cépticos começavam a crer, sendo assim iniciada a construção da capelinha. 
Após a construção e quando a ermida estava muito adiantada, Nossa Senhora pediu para que fizessem uma porta ou abertura na parte virada para os montes do lado que Nossa Senhora aparecia, e uma outra virada para os Conhais ( freguesia), de que nunca se soube o motivo. 

A vidente Ilda era tida por uma santa. Profetizou que a aldeia de Ponte do Sotão se haveria de tornar freguesia e nela se construiria um cemitério, que até então não existia. 
Ilda, a jovem que viu Nossa Senhora, veio a falecer no ano de 1949, com 36 anos de idade. Depois das Aparições viveu 12 anos. 
Foi sepultada em Gois por não haver cemitério em Ponte de Sotão. Várias pessoas testemunham, incluindo a sobrinha da vidente, ainda viva, que o caixão ao descer a ladeira para Góis começou a exalar intenso perfume que durou até ser enterrada.

Deixou escrito que queria ser trasladada do cemitério de Gois para o da nova freguesia.
Passados anos, abriram seu caixão e pessoas testemunharam seu corpo incorrupto, inclusivé seu cabelo que havia crescido grandemente. ( testemunhos obtidos por pessoas mais idosas da aldeia e arredores).

Com o passar dos anos e morte de familiares proximos à vidente,  com muita pena, foi perdido o local exato de seu sepultamento o qual era campa rasa sem adornos nem fotografia. 

Este local das Aparições é frequentado por devotos e sacerdotes que realizam a procissão das velas a 12 de maio com muita afluência de 
Peregrinos.

Um grande influente e grande devoto destas Aparições Sr. Vitor, testemunhou um milagre ocorrido com o santuário. 
Um dia em que havia muitos fogos ardendo nos montes vizinhos este se aproximou rápidamente das proximidades do Santuário das Aparições. Alguém objetou: "o santuário vai arder" mas ele logo respondeu: " "Não, não vai arder porque Nossa Senhora não deixa." O dia era muito quente mas, de imediato caiu um raio, se formaram nuvens e a chuva caiu torrencialmente apagando o fogo em volta do Santuário e nos montes vizinhos.
As testemunhas, ao narrarem este acontecimento se comoveram e arrepiaram ao verem o amor e a bondade de Nossa Senhora e mais uma vez a confirmação de Sua Aparição neste local.
Seja Nossa Senhora louvada e glorificada por cada Aparição Sua. Ela não poupa esforços para nos salvar dando-nos tantas provas de Seu amor e Presença.

Salvé Maria Rainha e Mensageira da Paz 🌺

Nenhum comentário:

Postar um comentário